Acusado de matar mãe deve ir para CDP

O tradutor Carlos Macchione de Sampaio, de 39 anos, preso em flagrante como o principal suspeito de ter matado a mãe, a aposentada Cláudia Macchione, de 74, colocado o corpo em uma mala e deixado na porta do prédio em que moravam, em Santos, deve ser transferido do 5.º DP de Santos para o Centro de Detenção Provisória de São Vicente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.