Acusado de liderar PCC e matar policiais é preso

Suspeito de participar de três assassinatos de policiais durante os ataques do Primeiro Comando da Capital (PCC) em 2006, Alexandre Rodrigues de Melo, de 31 anos, o Biz, foi preso anteontem por homens da Corregedoria da PM e das Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar (Rota). A prisão aconteceu em Guaianases, na zona leste de São Paulo. Segundo o tenente-coronel Paulo Telhada, da Rota, Biz estava em um churrasco. Ele é apontado como um dos líderes do PCC na zona leste e foi preso com uma CNH falsa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.