Acusado de furto de bagagem é flagrado no Aeroporto de Cumbica

Colombiano é apontado pela polícia como um especialista em furtos de lap tops na cidade

Marcelo Godoy,

10 Maio 2013 | 12h40

O colombiano Luis Alejandro Aguillon Saenz, de 30 anos, foi preso em flagrante às 6h50 desta sexta-feira, dia 10, no saguão do Aeroporto Internacional de Cumbica, depois de furtar malas de um passageiro que ia embarcar em um voo da Gol. A vítima, um vendedor de 25 anos, estava fazendo o check-in eletrônico quando teve a mala com seu lap top furtada.

 

A ação do ladrão foi flagrada pelas câmeras do concessionária GRU Airport, cujos funcionários chamaram a polícia. Momentos depois, o acusado foi localizado com a mala da vítima em meio ao saguão e detido por policiais militares. Na delegacia, Saenz se recusou a depor e dar sua versão sobre o caso.

 

O acusado já havia sido preso cinco vezes por furto  em São Paulo, a última vez havia sido em 2012, na Rua João Cachoeira, no Itaim Bibi, na zona oeste. Segundo a polícia, isso ocorreu porque ele tentou levar um lap top de uma loja. Saenz havia deixado a prisão em 6 de março deste ano. "Ele é especializado em furto de lap top", afirmou o delegado Marcelo Caio Ferrari, da Delegacia da Aeroporto.

Mais conteúdo sobre:
Cumbica, prisão, bagagem, furto

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.