Acidentes e chuva complicam trânsito em SP nesta segunda

23 de Maio e Marginal do Pinheiros são os piores trechos; cidade tem cinco pontos de alagamentos transitáveis

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

14 de abril de 2008 | 07h21

A chuva, que atinge a cidade de São Paulo desde o começo da manhã desta segunda-feira, 14, ajudou a complicar o trânsito por volta das 8 horas. Pequenos acidentes, formação de cinco pontos de alagamentos, todos transitáveis, cerca de 15 semáforos apagados e quatro veículos - entre ônibus e caminhões - quebrados em vias públicas, além do excesso de veículos, eram os motivos para o alto índice de congestionamento na capital.   Veja também:   Acompanhe a situação do trânsito rua-a-rua     A Radial Leste era a via com índice maior de congestionamento. A pista sentido centro concentrava quase 13 quilômetros de lentidão, entre as ruas Wandenkolk e Divinolândia.   A pista expressa da Marginal do Pinheiros era outro ponto com tráfego complicado. A morosidade chegava a 11 quilômetros, no sentido Castelo, entre as pontes do Socorro e Cidade Jardim.   Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), às 7h51 o congestionamento já era de 131 quilômetros, concentrados principalmente na zona sul, que apresentava 50 quilômetros de lentidão.     Chuvas   Tempo permanecia fechado e chuvoso em toda a capital. A chuva mais forte estava concentrada na zona leste, sobre os bairros da Vila Prudente, Aricanduva, Itaquera e São Mateus. Apesar da chuva, o dia será abafado e deve voltar a chover forte ainda nesta segunda com a chegada da frente fria. De acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), com a diminuição das chuvas, a capital saiu do estado de atenção.     Trechos congestionados     - Marginal do Pinheiros, sentido Castelo, entre as pontes Cidade Jardim e Transamérica, com 8.780 metros;   - Radial Leste, sentido Centro, entre viaduto Pires do Rio até Divinolândia, com 8.021 metros; - corredor Norte-sul, sentido Santana, entre viadutos Pedroso João Julião da Costa Aguiar, com 7.102 metros;   - Avenida dos Bandeirantes, sentido Marginal, entre viadutos Santo Amaro e Aliomar Baleeiro, com 5.150 metros;   - Radial Leste, sentido centro, entre a Rua Wandenkolk até Viaduto Pires do Rio, com 4.700 metros;     Situação dos principais corredores     Zona Sul - Avenida dos Bandeirantes: no sentido Marginal, lento entre os viadutos Santo Amaro e Aliomar Baleeiro   - Marginal do Pinheiros: no sentido Castelo, nas pistas expressa e local entre as pontes Cidade Jardim e Transamérica   - Avenida Morumbi: trânsito normal   - Avenida Ibirapuera: no sentido Centro, lento entre ruas Borges Lagoa e Aratas   Zona Oeste - Avenida Rebouças: no sentido Centro, entre a rua João Moura até túnel Maria Carolina   - Ligação Leste-Oeste: sentido Lapa, entre a avenida 23 de Maio até viaduto Alcântara Machado   - Avenida Francisco Morato: trânsito normal Zona Norte   - Marginal do Tietê: sentido Castelo Branco, entre pontes Jânio Quadros e Aricanduva e entre pontes Freguesia do Ó e Casa Verde   - Corredor norte-sul: sentido Santana entre viadutos Pedroso e João Julião da Costa Aguiar e sentido Aeroporto do viaduto Paraíso até praça da Bandeira   - Avenida Cruzeiro do Sul: trânsito normal   - Avenida Braz Leme: no sentido Centro, lento na ponte da Casa Verde   Zona Leste  - Radial Leste: sentido Centro, entre a Rua Wandenkolk até Rua Divinolândia   - Avenida Aricanduva: trânsito normal   - Avenida Salim Farah Maluf: sentido Marginal, entre ponte Tatuapé até rua Demétrio Ribeiro   Centro - Avenida do Estado: sentido Santana, entre as ruas 31 de março e Jaguara   - Avenida Paulista: trânsito normal    (Texto atualizado às 8h13)

Tudo o que sabemos sobre:
Trânsito

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.