Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Acidentes complicam volta do feriado

Anchieta, Imigrantes e Régis registraram lentidão por causa de carretas tombadas

O Estado de S.Paulo

02 de maio de 2012 | 03h02

O paulistano que viajou no feriado prolongado do Dia do Trabalho e voltou ontem encontrou problemas em algumas rodovias. Na tarde e início da noite, os maiores congestionamentos eram no Sistema Anchieta-Imigrantes, que liga o litoral paulista à capital. Entretanto, não foram registrados pontos de parada, apesar do trânsito intenso.

Na Anchieta, uma carreta tombou durante a tarde, obrigando a interdição da pista sentido litoral na altura do km 47, já no trecho da Serra do Mar. Os dois ocupantes do veículo ficaram feridos, um deles em estado grave. O sistema operava com duas pistas da Anchieta no sentido litoral e seis pistas da Imigrantes no sentido capital. Com o bloqueio, uma das faixas da Imigrantes passou a ser usada para a descida, deixando mais complicado o tráfego para quem voltava para São Paulo, segundo a concessionária Ecovias.

Na Rodovia Régis Bittencourt, que liga São Paulo a Curitiba, o tombamento de uma carreta por volta das 16h interditou parte da pista na altura do km 568, na região de Barra do Turvo, também provocando congestionamento em cerca de 5 quilômetros, segundo a concessionária Autopista. O bloqueio foi liberado por volta das 19h.

O tráfego era normal na Rodovia Fernão Dias, que liga a capital paulista a Belo Horizonte. Já na Via Dutra, que liga São Paulo ao Rio, havia lentidão no km 166, sentido São Paulo, por causa do excesso de veículos, segundo a concessionária Nova Dutra. Também era ruim o trânsito na região de Queluz, altura do km 11. Na Rodovia dos Bandeirantes, o trânsito era intenso da região de Jundiaí até São Paulo. Segundo a concessionária AutoBan, além do excesso de veículos, um carro com problemas mecânicos pegou fogo no acostamento do km 65, o que também provocou lentidão.

Quem precisou usar as Rodovias Castelo Branco e Raposo Tavares não encontrou problemas na volta para São Paulo. Também eram boas as condições de tráfego nas Rodovias Ayrton Sena e Carvalho Pinto. O trânsito também era livre na Hélio Smidt, que liga a Ayrton Senna e a Dutra ao Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos.

Rodízio. Depois do feriado prolongado, volta a valer hoje a restrição para circulação de veículos no centro expandido da capital. Entre as 7h e 10h e das 17h às 20h, estão proibidos de trafegar nessa região os carros com placa final 5 e 6.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.