Acidente mata funcionário de concessionária na Fernão Dias

Funcionário foi atropelado por motorista aparentemente embriagado enquanto guinchava outro veículo

EFE

26 de dezembro de 2007 | 04h55

Um funcionário da NovaDutra, empresa concessionária que administra a Rodovia Presidente Dutra, morreu, no final da noite de terça-feira, quando guinchava um veículo Ford Ka que havia parado no trecho final da Rodovia Fernão Dias, sentido MG-SP, na altura do quilômetro 90, junto ao acesso à Rodovia Presidente Dutra, na região do Parque Novo Mundo, zona norte da capital. Segundo policiais rodoviários federais, a motorista do Ford Ka percebeu que um dos pneus havia furado e parou o veículo.  Um guincho da NovaDutra foi acionado e quando o Ford Ka já havia sido içado para a plataforma, um Renault Clio preto, desgovernado, atingiu a traseira do veículo da Nova Dutra, atropelando e matando instantaneamente Aparecido Lima de Souza, de 43 anos. No choque, o Renault, capotou e parou 100 metros à frente, com as quatro rodas para cima. O motorista do Renault, segundo policiais rodoviários, sofreu ferimentos leves e, aparentemente embriagado, foi encaminhado a um hospital na Vila Maria, zona norte de SP. Dentro do carro os policiais encontraram latas de cerveja vazias. O caso foi encaminhado ao 01º Distrito Policial de Guarulhos.

Tudo o que sabemos sobre:
AcidenteFernão Dias

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.