José Antonio Leme/Estadão
José Antonio Leme/Estadão

Carro com 9 pessoas bate em caminhão e capota na Fernão Dias

Ao menos cinco pessoas ficaram feridas, uma delas com lesões graves; motorista do automóvel fugiu após o acidente

Felipe Cordeiro e José Antonio Leme, O Estado de S.Paulo

08 de outubro de 2019 | 09h43
Atualizado 08 de outubro de 2019 | 14h57

SÃO PAULO - Um carro que transportava nove pessoas bateu na traseira de um caminhão, perdeu o controle da direção e capotou na Rodovia Fernão Dias na manhã desta terça-feira, 8. A colisão deixou ao menos cinco feridos, um deles em estado grave. 

O acidente aconteceu por volta das 8 horas no km 88 da rodovia, no sentido de São Paulo, na altura do bairro Itapegica, em Guarulhos, na Grande São Paulo. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o motorista do automóvel - um Fiat Uno - fugiu depois da batida. 

Ainda conforme a PRF, um passageiro do carro teve lesões graves e foi levado ao Hospital Geral de Guarulhos (HGG). Outros três tiveram lesões leves e foram encaminhados à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Paulista e um ao Hospital Padre Bento, ambos no município da Grande São Paulo.

O Corpo de Bombeiros enviou ao menos sete viaturas ao local e resgatou as vítimas.  Os outros ocupantes  do veículo de passeio ficaram ilesos. O motorista do caminhão também não se feriu.

A Arteris, concessionária que administra a Fernão Dias, informou que o acidente interditou uma faixa da rodovia e provocou 800 metros de lentidão, na chegada à capital paulista. Às 10h20, o carro foi retirado e a pista totalmente liberada. 

A PRF informou, em nota, que o veículo que levava as vítimas é um Uno Mille Fire 2002, que consta em nome de uma empresa, mas que foi vendido e não transferido. O motorista foi identificado pelos passageiros apenas pelo apelido. O caso foi registrado no 2º Distrito Policial de Guarulhos (Vila Galvão).

Inaugurada em 1959, a Fernão Dias tem 562 quilômetros de extensão e faz a ligação entre as regiões metropolitanas de Belo Horizonte e São Paulo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.