Acidente com ônibus mata mulher e deixa 37 feridos em Bauru

O ônibus levava familiares de presos e bateu na traseira de um caminhão na Marechal Rondon; vítima era uma guia da capital

José Maria Tomazela, O Estado de S.Paulo

06 Março 2016 | 15h35

SOROCABA - Um acidente entre um ônibus que transportava familiares de presos e um caminhão com botijões de gás de cozinha causou a morte de uma mulher e deixou 37 pessoas feridas, na madrugada deste domingo, 6, em Bauru, interior de São Paulo. De acordo com a Polícia Militar Rodoviária, o ônibus bateu na traseira do caminhão no quilômetro 352 da Rodovia Marechal Rondon, próximo do acesso ao Centro de Progressão Penitenciária (CPP) de Bauru.

O fretado havia saído de São Paulo com familiares que visitariam presos em unidades prisionais de Pirajuí, Reginópolis e Balbinos, na região. O ônibus tinha capacidade para 46 pessoas e estava lotado. A mulher que morreu era uma guia da capital que acompanhava os visitantes. A pista sentido interior da rodovia precisou ser interditada para o atendimento às vítimas e também porque alguns botijões de gás vazaram. A carga e os veículos foram removidos ainda de manhã por equipes da concessionária da rodovia.

Os feridos, a maioria com ferimentos leves, foram levados para o Pronto-Socorro Central de Bauru, unidades de pronto-atendimento da cidade e também a um pronto-socorro de Pirajuí. De acordo com o Corpo de Bombeiros de Bauru, cinco vítimas estavam em estado grave e permaneceriam internadas. Até o início da tarde, não havia mais informações sobre o estado de saúde delas. A Polícia Civil fez perícia no local e vai apurar as causas do acidente.

Mais conteúdo sobre:
São Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.