Ação na Justiça exige que telefones funcionem

O Ministério Público do Rio ajuizou ação civil pública contra a Telemar por irregularidades no serviço de telefonia fixa em Nova Friburgo, na região serrana do Estado. Quatro meses depois da tragédia provocada pela chuva, que só na cidade deixou mais de 420 mortos, moradores continuam sem o serviço. A ação pede à Justiça que obrigue a empresa a restabelecer a telefonia em dez dias e a devolver em dobro valores cobrados quando o serviço não estava acessível.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.