A prova do crime (e vice-versa)

Palhaçada tem limites: que cabeça pode ter o Tiririca para se submeter a um exame de escolaridade mínima justo na semana em que as provas de avaliação do ensino médio despencaram de vez em credibilidade em todo território nacional. Quem garante, por exemplo, que o material gráfico recolhido de próprio punho do dublê de palhaço e deputado não será trocado ou extraviado a caminho da apreciação do mérito do examinado?

Tuttys Vasques, O Estado de S.Paulo

09 de novembro de 2010 | 00h00

Se, num concurso público federal para milhões de alfabetizados, a organização das provas comete erros como questões duplicadas, folhas repetidas e troca de cabeçalhos, imagina o que não pode acontecer no ditado a portas fechadas a que o abestado será submetido depois de amanhã em fórum de São Paulo.

A prova do crime de falsidade ideológica de Tiririca está, desde o último fim de semana, sob o manto do descrédito geral dos métodos de exame no Brasil. Provas, depois do Enem, não provam mais nada, a não ser contra si mesmas. Mais ineficaz e vexatório - cá pra nós, que nem sabemos o que é isso - só o tal "teste da farinha", dizem!

Autoestima

"Paul McCartney é gaúcho!" Pichação nova nos muros de Porto Alegre.

Mau pressentimento

A mãe, Dilma Jane, é até natural que more com a filha presidente no Palácio da Alvorada. O pessoal do PT está preocupado é com tia Arilda. Será que não seria o caso de alugar uma mansão bacana no Lago Sul para a primeira-tia?

É isso?

O vice-presidente eleito Michel Temer saiu meio decepcionado ontem de sua primeira reunião de transição. Das duas, uma: ou esconderam alguma coisa dele, como temia o PMDB, ou o troço não tem mesmo graça nenhuma.

Esses moços!

Zeca Camargo anda diferente desde a entrevista com Paul McCartney para o Fantástico. Só se fala disso nos corredores da TV Globo! Mais convencido que ele no jornalismo da emissora, só o Edney Silvestre, que tomou de Chico Buarque o primeiro lugar de melhor romance no Prêmio Jabuti. Juntos, os dois não cabem na mesma redação!

Nada de pânico

O gabarito oficial do Enem será divulgado hoje, mas ninguém deve confiar 100% nas respostas anunciadas. Pode ter um errinho ou outro para animar o noticiário de amanhã.

Previsão do tempo

Os rios do Amazonas voltaram a subir. Isso quer dizer o seguinte: o dólar deve seguir o mesmo viés durante a semana.

Mal comparando

A diferença entre Rubinho Barrichello e Felipe Massa no Mundial de F-1 é que o piloto da Ferrari está aborrecido com a situação. Pura inexperiência, né?!

Trololó

Corre no PSDB o boato de que FHC sentiu mais a derrota da legalização da maconha na Califórnia do que a de José Serra aqui no Brasil.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.