A cara do Brasil!

Boletim médico

TUTTY HUMOR, O Estado de S.Paulo

13 de dezembro de 2012 | 02h09

A febre súbita que derrubou o ministro Celso de Mello e adiou sessão de julgamento do mensalão no STF pode ser sintoma da tal 'epidemia corintiana'. Milhares de brasileiros faltaram ao trabalho ontem pelo mesmo motivo.

Loucos pelo Egito

A torcida do Corinthians transformou o Estádio de Toyota numa espécie de Japacaembu! O bando de loucos do Al Ahly ficou na Praça Tahir!

Há controvérsias

A repercussão do depoimento de Marcos Valério à Procuradoria-Geral da República provocou uma ponta de ciúmes em Carlinhos Cachoeira: "Minha garganta é mais profunda que a dele!" É o que no PT chamam de 'briga de cachorro grande'.

Candidato cheinho

Afinal de contas, Aécio Neves está mais gordo ou só inchado? Só se fala disso no Senado! FHC já até lhe indicou um spa!

Ô, raça!

Saiu ontem o edital do trem-bala! Essas coisas a oposição não vê!

Fora da cruz

Lula dá muita sorte de ser pego para Cristo no Natal! Já pensou se o depoimento do Marcos Valério vaza às vésperas da Semana Santa!

O Corinthians pode até não ser o Brasil no Mundial de Clubes, como quer o Galvão Bueno, mas o futebol que o Timão apresentou em sua estreia na competição lembrou muito o da seleção que a gente está acostumado a ver na fase de grupos em copas do mundo!

Lembra do 2 a 1 pífio sobre a Coreia do Norte em 2010, na África do Sul? Daquele Brasil 2x1 Turquia na campanha do penta o brasileiro não esquece ainda hoje, 10 anos depois, por causa do juiz que praticamente decidiu o jogo a nosso favor. Ganhamos no apito!

Como não foi o caso do Corinthians ontem, o mais provável é que, não importa o resultado da final contra o Chelsea no próximo domingo, logo, logo o bando de loucos terá dificuldades para lembrar deste 1 a 0 sem-vergonha sobre o Al Ahly.

Foi jogo para se esquecer, mas isso não é coisa que importe a quem a duras penas sobrevive a uma batalha nesse tipo de torneio mata-mata.

A Fiel é hoje a mais completa tradução do torcedor brasileiro em mundiais: está pouco se lixando para a qualidade do futebol apresentado, só pensa em conquistar o título.

Vai, Curintchaaa!!

Vai, Casão!

Que fase vive o Casagrande nas transmissões da Globo! Comentava ontem que prefere o time do Corinthians sem o Guerrero no ataque minutos antes do gol do peruano. No segundo tempo, voltou a sugerir a substituição do cara e, logo em seguida, saiu dos pés dele a melhor chance de gol do Timão, desperdiçada por Paulinho. Só faltou o Al Ahly empatar depois que o Tite tirou o centroavante de campo no finalzinho do jogo!

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.