A ambulante que se 'veste de lixo'

Vera Lúcia Alício personaliza tudo o que usa com materiais descartados; itens recebem até nome, como se fossem arte

DENIZE GUEDES, O Estado de S.Paulo

06 de dezembro de 2012 | 23h49

Vera Lúcia Fashion avisa logo: "Pode falar, me criticar, pois eu sou assim, eu não ligo, eu protejo a natureza". Afinado e ritmado, o alerta sai cantado - e acrescenta extravagância à vendedora ambulante de 56 anos, que só veste roupas com itens aproveitados do lixo e, por isso mesmo, não usa mais o Alício, seu sobrenome, ao se apresentar. "É só Fashion mesmo", diverte-se.

"Peguei estes teclados de computador com um rapaz que estava jogando fora", revela, apontando para o colete jeans que vestia, só uma das dezenas de peças customizadas por ela com o que é descartado. Em seu armário, é possível achar de sobretudo com botões de carretel a calça costurada com displays de controle remoto e celular. Entre os acessórios, sapato enfeitado com botões velhos, colar de tampinhas de garrafa e anéis de antigas fichas telefônicas.

"No meu prédio (na região da Praça da Bandeira, centro de São Paulo), o pessoal até já separa para mim. É fita de música, de vídeo, disquete, roupa velha, latinhas, garrafas PET... Eles aprenderam a reciclar", orgulha-se.

Para ganhar a vida, Vera Lúcia vende nas noites de domingo na Avenida Ipiranga, ao lado da feira da Praça da República, o que compra na Rua 25 de Março. "Tenho dó de me desfazer do que crio. Pego amor, sabe?" Uma vez, vendeu o anel de uma sereia envolta por restos de embalagem de picolé. "Foi para uma estrangeira que estudava o mar. Depois chorei tanto..."

Para ela, o que faz é arte - e as peças recebem até nome, como o casaco Feche a Torneira, Por Favor (com uma torneira de verdade no lado esquerdo do peito). Na hora de lavar, ela garante que não dá trabalho: "Deixo de molho no sabão, enxáguo e seco em um cabide".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.