7 dos 10 cães de Bola morrem após análise

CASO BRUNO

, O Estado de S.Paulo

26 de julho de 2010 | 00h00

Sete dos 10 cães que eram criados pelo ex-policial Marcos Aparecido dos Santos, o Bola, morreram depois de ficarem recolhidos no centro de Zoonoses do bairro São Bernardo, em Belo Horizonte. Segundo o advogado Zanone Oliveira, que defende Bola, cinco cães estão congelados para um eventual confronto de resultados periciais. Apenas três filhotes de rottweilers foram devolvidos para a família.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.