6 são presos por pegar dinheiro após assalto

Seis moradores de Espírito Santo do Turvo, no interior paulista, foram presos por furto após recolher R$ 46.530 que haviam sido deixados para trás por ladrões que explodiram quatro caixas eletrônicos nos dois bancos da cidade, anteontem. Um dos acusados é Pedro Pacheco, apontado como irmão do prefeito João Adirson Pacheco (PSDB). Uma mulher que seria dona do prédio onde fica uma das agências pegou R$ 22,6 mil. Até agora, a polícia não prendeu suspeitos pelo ataque às agências bancárias.

O Estado de S.Paulo

25 Novembro 2013 | 02h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.