5 perguntas para... Edson da Silva dos Santos, pai

1.Você agrediu a sua filha?

O Estado de S.Paulo

29 Novembro 2011 | 03h04

Não agredi. Já bati de chinelo, nas pernas, falava para não fazer cocô no chão.

2.O que aconteceu? Percebi agora que ela caía porque tinha fraqueza. Fui almoçar e ela estava normal. Quando cheguei do serviço, ela estava fraca, não estava muito bem.

3.Por que escondeu o corpo? Eu tinha medo de ser acusado de maus-tratos pela mãe dela. Foi burrice. Preferi ir pelo lado errado, quando poderia ter feito a coisa certa. Fiz isso por impulso, por medo de prejudicar a mim e a meus outros filhos. Aí fiz essa besteira.

4. A Cauane já havia ficado com você anteriormente? Fiquei uma vez por uns 15, 20 dias. Mas aí a mãe pediu para ficar com a menina, porque tinha se arrependido (de deixá-la com o pai). Depois, a mãe abandonou na minha casa, porque não tinha condição de cuidar dela. Liguei para a avó, que disse que iria cuidar. Com duas semanas ou três, a avó pediu para eu ir até lá e disse que não tinha como cuidar da Cauane. Aí, peguei a menina, que ficou uns 30 dias em casa.

5. O que acha que vai acontecer agora? Eu sei que vai ser só o pior comigo, com a minha mulher e com os meus filhos. Principalmente, com meus filhos. Acho que não tem defesa. Tenho de pagar por isso daí. Estraguei a minha vida.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.