5 membros de quadrilha de roubo de cargas são presos em Mogi

Dois caminhões foram recuperados pelos policiais; desmanche na zona norte de São Paulo e galpão em Suzano foram descobertos

Felipe Resk, O Estado de S. Paulo

03 de outubro de 2014 | 11h43

SÃO PAULO - Cinco integrantes de uma quadrilha especializada em roubo de cargas foram presos por policiais do Núcleo de Roubos de Cargas, vinculado à Delegacia Seccional de Mogi das Cruzes, nesta quinta-feira, 2. Segundo o delegado Marcos Batalha, titular da Seccional, os criminosos atuavam em todo o território de São Paulo, principalmente na região do Alto Tietê, e até em Santa Catarina.

A prisão foi realizada após os policiais localizarem um desmanche de caminhões na Avenida Educador Paulo Freire, na Vila Maria, zona norte da capital paulista. No local, os policiais apreenderam peças de um caminhão que havia sido roubado no dia 19 de setembro, em São Paulo. "Os maiores pontos de incidência da quadrilha são as Rodovias Ayrton Senna, Presidente Dutra e a Marginal do Tietê", afirmou Batalha.

Durante a operação, o comerciante Paulo Sergio de Freitas, de 46 anos, foi preso em flagrante, identificado como receptor de veículos roubados e dono do desmanche. Além dele, outros quatro integrantes da quadrilha também foram presos pela Polícia Civil. Segundo o delegado seccional, outras pessoas estão sendo investigadas e poderão ser presas a qualquer momento. "Trata-se de uma quadrilha extremamente grande e perigosa."

Os policiais ainda foram até a cidade de Suzano, na Grande São Paulo, onde descobriram um galpão para onde os veículos eram levados e mantidos pela quadrilha até que os localizadores fossem removidos. O espaço fica na Avenida Alameda Roberto Simonse. Lá, a Polícia Civil apreendeu um caminhão, ainda intacto, que havia sido roubado um dia antes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.