MARIVALDO OLIVEIRA|FUTURA PRESS|ESTADÃO
MARIVALDO OLIVEIRA|FUTURA PRESS|ESTADÃO

49% dos paulistanos avaliam gestão Haddad como ruim ou péssima, diz pesquisa Datafolha

Resultado é a pior avaliação da gestão do petista na capital paulista desde início do mandato, em janeiro de 2013

O Estado de S. Paulo

02 Novembro 2015 | 11h28

SÃO PAULO - Pesquisa Datafolha publicada nesta segunda-feira, 2, mostra que 49% dos paulitanos avaliam a gestão do prefeito Fernando Haddad (PT) como ruim ou péssima. É o pior resultado da pesquisa desde o início do mandato, em 2013. No total, 34% afirmam que a gestão é regular e 15% dizem que seu governo é bom ou ótimo. 

A pesquisa anterior, de fevereiro, havia apontado rejeição de 44% da população. O recorde anterior era de julho de 2014, com 47% de avaliações como ruim ou péssima. Porém, segundo o jornal, todos os resultados estão dentro da margem de erro, que é de 3 pontos porcentuais para cima ou para baixo.

A principal rejeição ao prefeito vem da população mais velha e mais pobre: 10% dos entrevistados com mais de 45 anos apontaram o governo como bom ou ótimo e apenas 12% daqueles que ganham até dois salários mínimos aprovam o governo.

Já a população mais escolarizada. de maior renda e mais jovem são quem mais apoia o prefeito, que tem aprovação de 22% dos entrevistados com curso superior, de 23% daqueles que ganham mais de dez salários mínimos e de 20% daqueles entre 16 e 24 anos, segundo a pesquisa.

Nesta segunda, Dia de Finados, a gestão Haddad não comentou os resultados da pesquisa. 

Mais conteúdo sobre:
fernando haddad

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.