3 feridos e 3 detidos após assalto na Avanhandava

A perseguição a cinco adolescentes acusados de roubar dinheiro, eletrônicos e sorvetes de um bar na Rua Avanhandava, na Bela Vista, centro de São Paulo, deixou três feridos anteontem à noite. Entre eles estão um gari e uma mulher que ia até a padaria. Ambos não correm risco de morte. A fuga terminou na Liberdade, cerca de dez minutos depois. Três foram apreendidos.

Elvis Pereira, O Estado de S.Paulo

29 Dezembro 2010 | 00h00

O grupo invadiu o bar por volta das 20h30. Armados com um revólver calibre 22, renderam a dona do estabelecimento e levaram televisão, aparelho de som, R$ 90 e três sorvetes. Depois que eles saíram do local, um dos clientes do bar avisou policiais militares que subiam a Rua Avanhandava em uma viatura.

Os adolescentes entraram em um Citroën Xsara Picasso preto roubado. Houve troca de tiros com a polícia e o gari Paulo de Freitas Barbosa, de 51 anos, foi atingido no peito. Ele contou à polícia ter escutado o tiro e notado o ferimento, em seguida, sem saber quem havia sido o autor do disparo. Em meio à perseguição, Lívia Vicente de Araújo, de 30 anos, também foi atingida no antebraço.

Fuga. Dois dos suspeitos pularam do carro em movimento na região do Parque Dom Pedro e fugiram. Outros dois, ambos de 15 anos, foram alcançados pelos PMs na altura da Praça Ministro Costa Manso, na Liberdade, e apreendidos. Outro garoto, de 14, ferido à bala na perna, foi localizado mais tarde, ao buscar atendimento na Santa Casa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.