23 de abril de 1911

Dizem de Porto Alegre que na Santa Casa foi operada na quinta-feira uma criança de 10 mezes, que tinha um kisto na cabeça. A operação durou 1 hora e meia. Na occasião de extirpar-se o kisto os medicos viram tratar-se de um caso de inclusão fetal. O caso teratologico causou interesse no meio medico. O feto achava-se em desenvolvimento. A criança morreu 2 horas depois da operação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.