140 mil devem ficar sem água em Embu

A Sabesp solicita aos moradores das regiões afetadas que economizem água

Ricardo Valota, da Central de Notícias

22 de outubro de 2009 | 09h28

Cerca de 140 mil pessoas devem sofrer o corte no abastecimento de água entre 8 e 18 horas desta quinta-feira, 22, na cidade de Embu, região metropolitana de São Paulo. Técnicos da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) interrompem o fornecimento de água para que seja realizada a lavagem do reservatório localizado no bairro Santo Eduardo.

Durante a execução dos serviços, serão afetados os bairros Jardim Santa Tereza, Jardim Valo Verde, Chácara São Marcos, Parque Pirajussara, Jardim São Vicente, Jardim Vazame, Jardim Presidente Kennedy, Jardim Dom José, Jardim da Luz, Chácara Caxingui, Parque Independência, Jardim Silvana e Jardim Nossa Senhora de Fátima.

A Sabesp solicita aos moradores das regiões afetadas que economizem água, evitando desperdícios. A normalização do abastecimento ocorrerá de forma lenta e gradual após o término dos serviços. Os casos de emergência serão atendidos pela Central de Atendimento 195 que funciona 24 horas. A ligação é gratuita.

Tudo o que sabemos sobre:
SabespáguaEmbu

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.