Otávio Magalhães/Estadão
Otávio Magalhães/Estadão

1ª turnê de Madonna no País foi em 1993

Cantora causou tumulto em SP e chegou a usar camisa do Flamengo para cativar fãs no Rio

DENIZE GUEDES , O Estado de S.Paulo

05 de dezembro de 2012 | 02h00

Batizada de The Girlie Show, a primeira turnê da cantora americana no País foi em 1993, com dois shows em São Paulo e um no Rio. No dia 2 de novembro daquele ano, o Estado noticiou que a chegada da popstar ao "Hotel Caesar Park, à Rua Augusta (que já não existe mais), às 21h50, foi marcada por um grande tumulto e um início de pisoteamento entre as mais de 600 pessoas que se concentravam" ali - uma delas ficou ferida.

O show na capital paulista foi marcado pela invasão do palco no Estádio do Morumbi pela fã Marcela Radosajvalac, à época com 16 anos - que já tinha furado a segurança e entrado na pista do Aeroporto de Cumbica, no desembarque da diva. No Rio, Madonna usou uma "camisa do Flamengo para seduzir o Maracanã", publicou o Estado no dia 8. Era a época de hits como Like a Virgin, Fever e Vogue.

A diva voltaria ao Brasil apenas 15 anos depois, com a turnê Sticky & Sweet Tour, em apresentações também em São Paulo e no Rio. "O bombardeio visual é frenético e Madonna tem uma companhia de dança inteira ao seu lado", antecipava Jotabê Medeiros, em 13 de dezembro, à véspera do primeiro show.

Em 18 de dezembro de 2008, quando a cantora abria a série de três apresentações em São Paulo, Valéria França informava o quanto a vinda da artista movimentava a economia da capital.

"Ela atraiu 39 mil fãs de outras cidades, o que significa R$ 23,4 milhões em turismo. Madonna também virou chamariz de liquidação de loja, que atraiu clientes com ingressos." Cerca de 200 mil pessoas assistiram aos shows no Morumbi.

De lá para cá, Madonna voltou ainda outras duas vezes ao País, em 2009 e 2010 - mas somente em missões sociais, fora dos palcos. Na primeira delas, teve o Rio como destino, onde tinha agenda em comunidades dos morros. Reportagem de 10 de novembro, porém, dava conta de que sua vinda tinha um motivo mais "prosaico": conhecer os pais de Jesus Luz, modelo que ganhara fama ao trocar beijos com a popstar em sua turnê de 2008.

Na visita no começo de 2010, ela foi recebida em São Paulo pelo então governador José Serra (PSDB) e, no Rio, assistiu a desfiles das escolas de samba na Marquês de Sapucaí, ao lado de Luz, com quem namorava.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.