Verão Vertical

Verão Vertical

Angélica Arbex

19 de outubro de 2015 | 12h15

fonte: freepik

fonte: freepik

Esse fim de semana começou o horário de verão e com ele o clima da época mais animada do ano começa a tomar conta dos condomínios.

Os dias mais longos deixam as áreas comuns mais cheias. Quem ainda não faz exercício, ensaia 30 minutinhos na esteira do condomínio ou uma nadadinha na piscina com raia logo que chega do trabalho. Nessa época morar em um condomínio com área de lazer faz diferença mesmo. Poder ter espaços para praticar esporte com segurança, sem trânsito e sem sair de casa é um apelo irresistível.

Seja na academia, na piscina, na quadra de esportes o condomínio ganha vida no verão e para aproveitar essa época com tudo, vale prestar atenção em algumas dicas importantes:

Planejamento: nos condomínios maiores geralmente existem comissões para tratar de temas específicos: decoração, reforma, esportes. Neste caso, é responsabilidade da comissão de esportes criar o calendário do verão com atividades desenvolvidas de acordo com o perfil dos moradores. Nos condomínios menores, um morador pode ficar encarregado dessa tarefa, o ideal é que ele conheça bem o condomínio e tenha habilidade com esportes e lazer.

Conservação das áreas: se o checklist do verão ainda não foi feito, a hora é essa. Piso da quadra, manutenção da piscina, playground, academia. Essas áreas são muito usadas nesta época, então é preciso checar se está tudo certo e realizar os reparos necessários.

Pesquisa: o condomínio pode preparar uma pesquisa rápida com os moradores. De um jeito simples, pode ser uma enquete eletrônica no aplicativo do condomínio ou mesmo um questionário curto distribuído porta a porta. O ideal é descobrir ser os moradores têm interesse em participar das atividades de verão, quais as atividades mais votadas, horário de preferência. Assim é possível montar o calendário de eventos.

Calendário: muitos pais ficam ansiosos por preencher as férias escolares com atividades com supervisão para os pequenos. Conforme o perfil do condomínio, podem ser contratados monitores especializados. O calendário divulgado com antecedência garante a adesão às atividades propostas. Isso não vale apenas para as crianças. A ideia de montar campeonatos que duram todo o verão, criar um calendário de atividades na piscina e horário com professor disponível na academia vale para todos os perfis.

Finanças: toda as atividades que preveem contratação de profissionais, implicam em custos extras. A grande vantagem é que o custo é compartilhado por um número maior de pessoas o que acaba viabilizando a realização das atividades. Mas isso precisa ser tratado internamente no condomínio. Os serviços contratados serão disponibilizados a todos os condôminos e então o custo será dividido por todos? A contratação será na modalidade pay-per-use e logo só quem utilizar é que fica responsável pelas despesas? Cada condomínio deve encontrar o seu formato ideal.

Junto com a segurança, a prática de esportes e lazer é um dos motivos mais fortes para que as pessoas escolham morar em condomínio. Fazer esta experiência valer a pena é questão de planejamento, persistência e comunicação. E você, já pensou em como pode ajudar a fazer o verão valer a pena aí no seu condomínio?

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.