DAEE vai gastar R$ 64 milhões para desassorear Rio Tietê em 2011

Estadão

11 Janeiro 2011 | 10h20

O DAEE (Departamento de Águas e Energia Elétrica) receberá, neste ano, uma verba suplementar de R$ 24 milhões para aplicação nos serviços de desassoreamento da calha do Rio Tietê. Para todo o ano, o orçamento total previsto para o serviço é de R$ 64 milhões.

Os recursos adicionais foram destinados pelo governador Geraldo Alckmin ao extinguir, depois da primeira reunião do secretariado estadual, no dia 3, a Secretaria de Comunicação do estado. Um decreto assinado por ele autorizou o repasse da verba.

De acordo com informações do governo do Estado, em 2010 o Tietê tinha 2,7 milhões de metros cúbicos de resíduos; foram retirados 1 milhão. A cada ano, os afluentes trazem para o Tietê uma média de 400 mil metros cúbicos de resíduos. A meta, de acordo com Alckmin, é limpar o Tietê completamente em 2 anos.

Daniel Gonzales, do estadão.com.br

Mais conteúdo sobre:

Rio Tietê