Regiões de SP saem do estado de atenção; Congonhas reabre

Estadão

14 Fevereiro 2011 | 17h19

O Centro de Gerenciamento de Emergências da capital decretou o término do estado de atenção nas zonas Sudeste e Leste. A cidade permanece sem zonas em estado de atenção neste fim de tarde.

A zona leste entrou no estado de atenção às 15h55, por causa das chuvas. A zona sudeste também foi incluída no status às 16h40.

As áreas de instabilidades associadas às altas temperaturas registradas no início desta tarde provocaram pancadas de chuva fortes no extremo leste da Capital, principalmente entre os bairros de São Mateus, Cidade Tiradentes e parte de Itaquera. Os bairros da Mooca, Penha e Vila Prudente, na zona leste, e Ipiranga e Vila Mariana, na zona sul também foram atingidas.

Nos demais pontos da Cidade, não há registro de chuvas. Na Grande São Paulo, a chuva foi forte entre os municípios de Suzano e Ribeirão Pires.

Congonhas. O Aeroporto de Congonhas ficou fechado para pousos e decolagens das 17h17 às 17h37, em razão das chuvas. De acordo com a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), até as 17h35 nenhum voo havia sofrido atraso em razão da interdição.