Após dia mais chuvoso do ano, CET recomenda que motorista evite a Marginal do Tietê

Estadão

11 Janeiro 2011 | 08h58

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) recomenda que os motoristas evitem a Marginal do Tietê na manhã desta terça-feira, 11, devido aos diversos pontos de alagamento que impedem o trânsito no local. As 8 horas, a Marginal tinha oito pontos intransitáveis. No mesmo horário, havia 49 alagamentos ativos em toda a cidade e 81 km de congestionamento, com pior ponto na Radial Leste, sentido bairro.

O caos é resultado do dia mais chuvoso do ano. Segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), da Prefeitura, a forte chuva que atingiu São Paulo na segunda-feira, 10, fez transbordar os rios Pinheiros e Tietê e os córregos Cabuçu de Baixo, na zona norte, Jaguaré, na zona oeste, e Morro do S, na zona sul. Cinco pessoas morreram e três ficaram feridas em deslizamentos na capital e em Mauá, na Grande SP. Duas vítimas ainda estão desaparecidas.

Entre a meia-noite de domingo e de segunda choveu 52,1 mm. No acumulado de janeiro já choveu 204,3, 85,4% do esperado para todo o mês, que é de 239 mm.

O mau tempo se intensificou a partir das 19 horas de ontem. Cerca de três horas depois, algumas regiões estavam em estado de atenção. Durante o período chuvoso, a capital registrou 135 pontos de alagamento, sendo que 58 eram intransitáveis.

Quatro árvores que caíram na cidade continuavam a atrapalhar o tráfego nesta manhã. Elas estavam na Rua José Roberto Sales, no número 53, em ambos os sentidos; Rua da União, sentido centro; Marginal do Tietê, na pista expressa, perto da Ponte Júlio de Mesquita Neto, sentido Castelo e na Rua Doutor Carlos de Oliveira Coutinho, número 81, nos dois lados.

Priscila Trindade, da Central de Notícias

Mais conteúdo sobre:

CETMarginal do Tietê