NET envia por engano nome de cliente ao SPC

NET envia por engano nome de cliente ao SPC

Luciana Magalhães

04 de junho de 2014 | 12h08

Senti-me constrangido e humilhado, diz leitor

Por Luciana Magalhães

Reclamação do leitor: No dia 12/5 fui fazer compras em uma loja de departamento e, para a minha surpresa, fui informado de que havia uma restrição no meu nome. Verifiquei no Serasa e constava uma dívida da Embratel no valor de R$ 287. Contatei a empresa e fui informado de que o pedido de cobrança era da NET, empresa parceira da Embratel. Entrei em contato com a NET e a atendente informou que,  por um problema no sistema, meu nome fora incluído no Serviço de Proteção ao Crédito (SPC), mas que ela abriria um chamado para verificar o ocorrido. Senti-me constrangido por não completar uma compra pelo simples fato de ter meu nome contestado indevidamente pela NET. Peço ajuda! Robson Rodrigo de Oliveira / São Paulo

Resposta: A NET informa que, em contato com o consumidor, regularizou a situação.

Réplica do leitor: Após várias reclamações, a empresa pediu desculpas pelo ocorrido e solucionou o problema. Mesmo assim, houve danos por conta dessa cobrança indevida. Sinto-me no direito de mover uma ação civil por danos morais contra a Embratel/ NET serviços.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.