Leitora reclama de dificuldade para cancelar pacote de viagem

Decolar afirma que os produtos do pacote estão cancelados, com prazo para reembolso em até 12 meses

Renata Okumura

31 de outubro de 2020 | 05h00

Andrea Fernanda comprou um pacote de viagem para ela, pai e irmão para Portugal. A viagem que estava prevista para abril não aconteceu por causa da pandemia. Ela disse que depois de várias tentativas de entrar em contato com a Decolar, conseguiu cancelar a viagem, entretanto as cobranças ainda estão constando no cartão de crédito.

Foto: Pixabay

Reclamação de Andrea Fernanda: “Eu comprei um pacote de viagem pela Decolar para meu pai, irmão e para mim. Iríamos para Portugal em abril, mas a viagem foi cancelada devido a pandemia da covid-19. Depois de inúmeras tentativas de contato, cancelei minha reserva antes da data da viagem, entretanto continuo a pagar no cartão de crédito a hospedagem e o transfer.”

Resposta da Decolar: “A empresa afirma que os produtos do pacote estão cancelados, com prazo para reembolso em até 12 meses, de acordo com a Lei Nº 14.046 sancionada em 24 de agosto de 2020. A companhia entrou em contato com a cliente, que já está ciente sobre o procedimento.”

Envie suas reclamações
Mande uma mensagem para o e-mail spreclama@estadao.com ou por WhatsApp para o número (11) 97069-8639. Nossa reportagem vai apurar a denúncia e apresentar a resposta no blog Seus Direitos, um espaço voltado ao cidadão e ao consumidor.

Tudo o que sabemos sobre:

SP ReclamaDecolar

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: