Leitora reclama de atendimento em hospital particular

Prevent Senior lamenta quaisquer transtornos sofridos pela missivista, e orientou sua equipe a corrigi-los

Renata Okumura

23 de fevereiro de 2021 | 05h00

Marilda Tieko afirma que esteve com o marido no Pronto Atendimento Sancta Maggiore da região do Tatuapé, na zona leste de São Paulo. Ela o levou, pois não se sentia bem. Ele fez cirurgia recentemente e estava usando sonda. Ela reclama da falta de auxílio e alta médica na madrugada para paciente idoso.

Foto: Pixabay

Reclamação de Marilda Tieko: “Meu marido fez uma cirurgia de bexiga na semana passada no Hospital Sancta Maggiore Dubai. Fomos muito bem atendidos. Voltamos para casa e ele estava com a sonda. No dia seguinte, como a urina estava muito vermelha fomos até o Pronto Atendimento Sancta Maggiore na Rua Uriel Gaspar, 150. O atendimento foi completamente diferente. Ficamos o dia inteiro e não foi oferecido nada para alimentação, deram alta para meu marido de quase 80 anos às 2 horas da manhã e diferentemente da unidade do Morumbi, foi negado pedido de solicitação de transporte privado. Deram uma cadeira de rodas muito ruim para eu transportar meu marido até a recepção e nenhum funcionário me ajudou a empurrá-lo. Lamentável o atendimento ser tão diferente em unidades que atendem o mesmo plano da Prevent Senior.”

Resposta da Prevent Senior: “A empresa lamenta quaisquer transtornos sofridos pela missivista, e orientou sua equipe a corrigi-los. Por primar pelo controle de qualidade, a empresa agradece as observações. No caso do atendimento médico, cabe ressaltar que, no caso do jejum, este foi adequado ao estado do paciente, que poderia necessitar de uma nova cirurgia, o que felizmente acabou não acontecendo. Em nenhum momento, o paciente deixou de receber suporte clínico.”

Envie suas reclamações
Mande uma mensagem para o e-mail spreclama@estadao.com ou por WhatsApp para o número (11) 97069-8639. Nossa reportagem vai apurar a denúncia e apresentar a resposta no blog Seus Direitos, um espaço voltado ao cidadão e ao consumidor.

Tudo o que sabemos sobre:

leitorqueixahospitalauxílioAlta médica

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.