Leitora reclama de atendimento de supermercado na Praia Grande

Carrefour Express entrou em contato com a cliente e garantiu que o caso ocorrido na unidade foi pontual

Renata Okumura

30 de abril de 2019 | 05h00

Marilize Lopes Gonçalves foi ao Carrefour Express da Praia Grande, no litoral paulista, e pediu para uma atendente moer a carne que estava em uma bandeja. A leitora afirma que a funcionária disse que a administração não permitia. A consumidora reclama ainda que muitas pessoas entram no local sem camiseta, por ser região praiana, apesar das recomendações. No entanto, não são repreendidas pela atitude.

Foto: Ahmad Yusni/ EFE

Reclamação de Marilize Lopes Gonçalves: “Eu fui ao Carrefour Express da Praia Grande, no litoral paulista, e pedi para uma funcionária moer uma bandeja de carne que estava na prateleira. A atendente, pouco educada, disse-me que a direção daquela unidade do Carrefour não gosta que o cliente pegue carne da prateleira e peça para moer. Estou acostumada a fazer isso em todos supermercados em que faço compras e nunca fui tão constrangida. Aliás, quero destacar também que, como essa loja fica em cidade praiana, muitos consumidores entram sem camisa e em trajes menores, sem que haja qualquer advertência por parte dos responsáveis pelo estabelecimento”.

Resposta do Carrefour: “A rede informa que esclareceu à consumidora que o caso ocorrido na unidade do Carrefour Express na Praia Grande foi pontual e que as carnes disponíveis nas bandejas podem ser moídas de acordo com a preferência do cliente. A rede permanece à disposição, por seus canais de atendimento, para qualquer informação adicional que ela necessite”.

Envie suas reclamações
Mande uma mensagem para o e-mail spreclama@estadao.com ou por WhatsApp para o número (11) 97069-8639. Nossa reportagem vai apurar a denúncia e apresentar a resposta no blog Seus Direitos, um espaço voltado ao cidadão e ao consumidor.

Mais conteúdo sobre:

SP ReclamaatendimentoSupermercado