Leitor reclama de fechamento de ruas pela CET

Companhia de Engenharia de Tráfego informa que promoveu mudanças no sistema viário na região do Jóquei Clube para a realização de obras

Renata Okumura

20 de março de 2018 | 05h00

Eduardo Almeida se queixa do fechamento de vias que dão acesso à Avenida Lineu de Paula Machado, na zona sul da cidade. Segundo ele, sem nenhum motivo aparente. O leitor reforça que o trânsito está bastante complicado na região, principalmente no período da manhã.

Foto: Sérgio Castro/Estadão

Reclamação de Eduardo Almeida: “Algumas ruas que dão acesso à Avenida Lineu de Paula Machado foram fechadas sem nenhuma razão aparente, a não ser beneficiar alguns moradores de mansões nas proximidades a criar condomínios privados. O resultado da decisão foi um aumento brutal de carros e congestionamento, especialmente no período da manhã.”

Resposta da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET): “A CET informa que promoveu mudanças no sistema viário na região do Jóquei Clube por causa de obras realizadas pela Prefeitura Regional do Butantã para melhorar a segurança na região. No local, está em desenvolvimento um projeto de segurança para moderação de tráfego, com conceito de “via calma”, que visa disciplinar e inibir o tráfego de veículos de passagem em uma área predominantemente residencial, protegendo ciclistas e pedestres. Para viabilizar a implantação desse projeto, foi necessário promover alterações no trânsito, como o fechamento do acesso da Avenida São Valério para a Rua Jabebira, implantação de sentido único de circulação nas ruas Carpina, Sarabatana e Domingos Barreto no sentido da Praça Professor Cardim para a Avenida São Valério, construção de ilhas na Avenida Lopes de Azevedo, entre a Rua Sarabatana e a Avenida Lineu de Paula Machado e a implantação de sentido único de circulação na Avenida São Valério, no sentido da Avenida Lineu de Paula Machado para a Rua Sarabatana. Durante todo o período de obras, as equipes de campo da CET irão monitorar o trânsito no local e orientar os motoristas.”

Envie suas reclamações
Mande uma mensagem para o e-mailspreclama@estadao.com ou por WhatsApp para o número (11) 97069-8639. Nossa reportagem vai apurar a denúncia e apresentar a resposta no blog Seus Direitos, um espaço voltado ao cidadão e ao consumidor.

Tudo o que sabemos sobre:

CETruasFechadascongestionamento

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.