Leitor reclama de comprar produto sem conserto da marca Electrolux

Marca afirma ter entrado em contato com o cliente para oferecer solução para o caso

Renata Okumura

15 de setembro de 2021 | 05h00

O leitor Abraham Tudisco Santiago reclama de comprar uma adega sem conserto da marca Electrolux. Ele diz que já comprou outra da mesma fabricante e que também não conseguiu realizar reparo.

Foto: Stefano Rellandini/Reuters

Reclamação do leitor Abraham Tudisco Santiago: “Comprei uma adega para vinhos, com compressor, da Electrolux, há aproximadamente um ano e sete meses, ou seja, está fora da garantia, porém não muito velha. De repente, parou de gelar. Chamei a assistência técnica e qual foi minha surpresa: fui informado pelo técnico de que o aparelho estava sem gás e não tinha vazamento externo. Isto significa que o equipamento não tem conserto, porém o fabricante entraria em contato para verificar o que poderia ser feito. Como é possível que uma adega com pouco tempo de uso não tenha conserto ou tenha quebrado? Um absurdo! Esta é a segunda adega que compro da Electrolux, que, assim como a primeira, sem reparo.”

Resposta da Electrolux: “Com a premissa de sempre prestar um bom atendimento, contatamos o consumidor, senhor Abraham Tudisco Santiago, para oferecer uma solução apta ao caso, que foi aceita e já está em andamento. Por parte da Electrolux, a empresa se compromete a acompanhar o caso até sua devida finalização.”

Envie suas reclamações

Mande uma mensagem para o e-mail spreclama@estadao.com ou por WhatsApp para o número (11) 97069-8639. Nossa reportagem vai apurar a denúncia.

Tudo o que sabemos sobre:

Electroluxconserto

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.