Leitor reclama de barulho de ar-condicionado de agência do Banco do Brasil

Banco solicitou nova análise de equipamento

Renata Okumura

16 de setembro de 2021 | 05h00

O leitor Eduardo Nogueira reclama de barulho provocado por ar-condicionado de agência do Banco do Brasil. Ele afirma ter entrado com contato com a gerência, mas não teve retorno.

Reclamação do leitor Eduardo Nogueira: “É surpreendente o descaso que a agência do Banco do Brasil, na Mooca, tem com a vizinhança. Sou morador do prédio ao lado e, por anos, o ruído do ar-condicionado tem causado incômodo. No período de calor, é impossível ficar com as janelas abertas. Já entramos em contato com o gerente da agência, mas nada foi feito. Não bastasse o barulho durante o dia, no horário em que a agência funciona, à noite, o equipamento fica ligado. Fazendo uma medição por meio de um aplicativo, o ruído chega a 65 decibéis. Em janeiro, fiz uma reclamação ao PSIU e, até o momento, está em análise.”

Resposta do Banco do Brasil: “Realizamos a manutenção preventiva mensal no ar-condicionado da agência Mooca, em São Paulo. Diante da reclamação do leitor Eduardo Nogueira, o BB solicitou uma nova análise do equipamento, para avaliar, inclusive, a possibilidade de troca do aparelho.”

Envie suas reclamações

Mande uma mensagem para o e-mail spreclama@estadao.com ou por WhatsApp para o número (11) 97069-8639. Nossa reportagem vai apurar a denúncia.

Tudo o que sabemos sobre:

Banco do BrasilbarulhoMooca

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.