Leitor cobra pagamento da quarta parcela do auxílio emergencial

Ao verificar o caso do leitor no portal de consultas da Dataprev com os dados informados, foi constatado que o requerimento está em avaliação pelo Ministério da Cidadania

Renata Okumura

20 de outubro de 2020 | 05h00

Marco Antônio de Freitas Teixeira afirma que recebeu até a terceira parcela do auxílio emergencial. Na quarta, descobriu que seu benefício foi bloqueado e ainda está em análise.

Foto: Pixabay

Reclamação de Marco Antônio de Freitas Teixeira: “Eu estava recebendo corretamente o pagamento do meu auxílio emergencial. No entanto, a quarta parcela não foi efetuada. No meu cadastro consta que ela foi bloqueada e está em análise o pagamento. É muito difícil entender os critérios, pois não tenho renda, muito menos carteira assinada.”

Resposta da DataPrev: “Ao verificar o caso do leitor no portal de consultas da Dataprev com os dados informados, foi constatado que o requerimento está em avaliação pelo Ministério da Cidadania, pois foram identificados indícios de que o cidadão possui renda familiar mensal superior a meio salário mínimo por pessoa e a três salários mínimos no total.”

Envie suas reclamações
Mande uma mensagem para o e-mail spreclama@estadao.com ou por WhatsApp para o número (11) 97069-8639. Nossa reportagem vai apurar a denúncia e apresentar a resposta no blog Seus Direitos, um espaço voltado ao cidadão e ao consumidor.

Tudo o que sabemos sobre:

SP Reclamaleitor

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: