Leitor cobra desconto indevido em aposentadoria

O INSS informa que em caso de discordância, é necessário solicitar a exclusão do mesmo por meio de um requerimento entregue na agência da Previdência Social mantenedora do benefício ou diretamente no sindicato ou associação

Renata Okumura

01 de fevereiro de 2019 | 05h00

Sérgio Storti questiona o desconto de 2% em sua aposentadoria. Segundo ele, em nenhum momento foi informado sobre esse débito. Ele diz que vem descrito que o valor vai para a Associação Brasileira de Aposentados, Pensionistas e Idosos. Ele não consegue entrar em contato com o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) para contestar a ação.

Agência do INSS. Foto: Nilton Fukuda/Estadão

Reclamação de Sérgio Storti: “Um inacreditável golpe está sendo aplicado aos aposentados remunerados pelo INSS. Um desconto em nossos proventos de 2% do montante, sem que os aposentados sejam avisados ou aprovem o débito. Na descrição consta a Associação Brasileira de Aposentados, Pensionistas e Idosos (ASBAPI).”

Resposta do INSS: “Em atenção à reclamação do senhor Sérgio Storti, esclarecemos que o INSS enviou resposta ao segurado com as orientações para ele solicitar a exclusão dos descontos. É necessário solicitar a exclusão do mesmo por meio de um requerimento entregue na agência da Previdência Social mantenedora do benefício ou diretamente no sindicato ou associação. O INSS verificou que houve desconto de mensalidade associativa no benefício do senhor Sérgio, a partir da competência de agosto de 2018, em favor da ASBAPI. Essa entidade foi acionada pelo INSS e apresentou cópias do documento de identidade e do formulário de Autorização de Desconto em benefício previdenciário assinado pelo segurado. A ASBAPI respondeu ao INSS que o contrato está em fase de cancelamento e o reembolso das parcelas descontadas foi solicitado ao setor financeiro em 19 de dezembro, e aguarda o retorno. Também solicitou que o senhor Sérgio forneça os dados bancários para a associação efetuar o ressarcimento, e o mesmo ficou ciente do prazo para reembolso e cancelamento.”

Envie suas reclamações
Mande uma mensagem para o e-mail spreclama@estadao.com ou por WhatsApp para o número (11) 97069-8639. Nossa reportagem vai apurar a denúncia e apresentar a resposta no blog Seus Direitos, um espaço voltado ao cidadão e ao consumidor.

Mais conteúdo sobre:

INSScobrançaSP Reclama