Atendimento na UBS Cidade Vargas é precário

Luciana Magalhães

30 Julho 2013 | 18h05

“Tenho de aguardar no mínimo 3 meses para agendar consulta”, diz leitor

Por Luciana Magalhães

Reclamação do leitor: Reclamo dos médicos da UBS Cidade Vargas, no Jabaquara. Eles chegam depois do horário e só atendem por 2h30. Só há disponibilidade para marcar uma consulta daqui a 3 meses ou aguardar um encaixe e nunca ser atendido. Já reclamei na Ouvidoria, mas nunca recebi uma resposta. A impressão que tenho é de que, se os médicos cumprissem seus horários diariamente, boa parte do problema seria resolvido. Com os dentistas o problema é o mesmo, pois estou há mais de 6 meses esperando para tratar um canal. A minha mãe, após 1 ano de espera para fazer uma dentadura, foi chamada na semana passada. Porém poucos dias depois ligaram dizendo que tinha sido um engano e que deveria continuar esperando. Um absurdo! Cansei de reclamar e não ter nenhuma solução. Bruno Pimenta / São Paulo

Resposta: A Coordenadoria Regional de Saúde Sudeste informa que foram feitas várias tentativas de contato no celular do reclamante. A unidade possui em seu quadro de funcionários 2 clínicos, 3 ginecologistas, 2 pediatras e 3 dentistas. A demora média para o agendamento com clínicos é de cerca de 2 meses. Com ginecologistas, em média são 15 dias. Pediatras atendem na mesma semana. Dentistas têm demora média de atendimento entre 15 e 20 dias. Referente ao fluxo de próteses dentárias, a assessoria em saúde bucal da Supervisão Técnica Saúde informa que são distribuídas para as Supervisões de Saúde cotas seguindo uma lista de espera de pacientes. Estes são inseridos no sistema Siga, por cada unidade de saúde.

Réplica o leitor: O problema não foi solucionado. Esse quadro de médicos não funciona, pois os médicos não ficam nem por 3 horas no posto de saúde. Essa resposta é padrão e não resolve o problema. Ligaram para marcar o dia e horário para eu ir à UBS para falar com o responsável. Compareci dois dias depois à tarde, mas o diretor já tinha ido embora.