Cratera no Jardim Paulistano causa transtornos

Cratera no Jardim Paulistano causa transtornos

Luciana Magalhães

27 Julho 2014 | 11h00

Isso é um problema recorrente há anos e ninguém conserta a via, reclama leitora

Por Luciana Magalhães

Reclamação da leitora: Há meses um buraco foi aberto na esquina da Avenida Brigadeiro Luis Antonio com a Rua Caconde, no Jardim Paulista, e ninguém faz nada. Trata-se de um problema recorrente:  por causa dos ônibus que passam no local,  abre-se um buraco imenso e a Prefeitura demora uma eternidade para consertá-lo. O curioso é que dessa vez a CET colocou um cone laranja para garantir a segurança, que permaneceu um tempão no local e foi “atropelado” por algum carro.  Não contentes, colocaram esse cone danificado dentro do buraco e um novinho foi instalado sinalizando o local.  Será que não é mais fácil providenciar o conserto definitivo? Além de atrapalhar o trânsito há risco de acidente. Flavia Spadafora Ferreira de Castro / São Paulo

Resposta: A Subprefeitura Pinheiros informa que o problema é de responsabilidade da empresa Telefônica, que foi notificada a realizar o reparo o quanto antes. A Secretaria de Coordenação das Subprefeituras esclarece que, no caso de desnível em poços de visita de outras concessionárias, as Subprefeituras realizam vistorias e notificam as empresas responsáveis a realizarem a adequação do asfalto. Sobre o recapeamento de vias na cidade, coordenados pela Superintendência das Usinas de Asfalto (SPUA),  este é de responsabilidade da empresa contratada para a execução do nivelamento dos poços de visita da Prefeitura e, por conta de um acordo firmado, os da Sabesp também. No caso de existirem poços de visita de outras concessionárias na via (gás, telefonia ou iluminação, por exemplo), são elas as responsáveis pelas adequações. Nestes casos, tão logo é finalizado o recapeamento, a Subprefeitura local oficia estas concessionárias para que façam os nivelamentos necessários.

Réplica da leitora: Eles fixaram uma placa no asfalto, mas cada ônibus que sobre ela faz muito barulho. Espero que não demorem para solucionar o problema definitivamente.

Foto: Flavia Spadafora Ferreira de Castro