Buraco da vergonha

Buraco da vergonha

Luciana Magalhães

10 Novembro 2013 | 10h11

“É inacreditável como os recursos dos contribuintes são jogados no lixo”, diz leitor

Por Luciana Magalhães

Buraco no asfalto entre as Alamedas Campinas e Lorena

Reclamação do leitor: Há quase um mês, exatamente nas esquinas das Alamedas Campinas e Lorena,  no Jardim Paulista, o asfalto cedeu abrindo uma cratera de alguns metros de profundidade. Abaixo do asfalto, já no entorno da abertura, vê-se o piso solapado. Ou seja, sem sustentação necessária e num estado de grande preocupação. Quando chove mais forte, a água que desce pela Alameda Campinas com notável força, seja pela sarjeta ou pelas galerias subterrâneas. A Prefeitura apenas cercou o local e colocou pequena quantidade de cimento com a intenção de que a água da chuva não caia no buraco. Há mais de um mês os moradores reclamam do “buraco da vergonha”, e ninguém faz nada. Ele representa bem a atual administração municipal. Oswaldo Colombo Filho / São Paulo

Resposta: A Subprefeitura Pinheiros informa que o reparo foi feito no dia 4/11. O fechamento do buraco com camada asfáltica será finalizado assim que as condições do tempo melhorarem.

Réplica do leitor: Jogaram pedras e asfalto para remendar o buraco. É inacreditável como os recursos dos contribuintes são literalmente jogados no lixo.

Foto: Oswaldo Colombo Filho