Árvores serão removidas para obra

Árvores serão removidas para obra

Luciana Magalhães

28 Julho 2013 | 13h10

“Há 5 anos vejo a reforma interminável do Ginásio do Ibirapuera”, diz leitor

Por Luciana Magalhães

Árvores derrubadas para a reforma do Ginásio do Ibirapuera

Reclamação do leitor: Moro em frente ao Ginásio do Ibirapuera (Conjunto Constâncio Vaz Guimarães, da Secretaria de Esportes de São Paulo) e há cinco anos assisto uma reforma inacabável desse conjunto esportivo. Nesse espaço de tempo, assisto consternados à derrubada de árvores frondosas para a construção de horrendos “puxadinhos”. Hoje está acontecendo mais uma derrubada, como mostra a foto. É um absurdo! Lúcio Mazza / São Paulo

Resposta: A Secretaria do Verde e do Meio Ambiente (SVMA) informa que a diretoria do estabelecimento apresentou a autorização de remoção das árvores. A autorização foi publicada no Diário Oficial da Cidade, em 16/06/2012, com validade por 12 meses. A SVMA destaca que durante a vistoria também foi constatada a poda de dois exemplares arbóreos, da espécie falsa seringueira (fícus), sem a devida autorização. Por conta disso, a Secretaria irá realizar nova vistoria no local na próxima semana.

Réplica do leitor: É uma pena as próprias autoridades acabarem com árvores maravilhosas apenas para ampliar as construções. Soube que o espaço foi aberto só para a construção da quadra de tênis. Esse é o Brasil!

Foto: Lúcio Mazza