Um artista urbano: o chinês invisível

Estadão

29 de julho de 2009 | 14h58

Por Edison Veiga

O artista chinês Liu Bolin, 36 anos, ganhou fama de “camaleão humano” e “homem invisível”. Desde 2006 ele posa para fotos camuflando-se na paisagem urbana.

É inegável a conotação política de seu trabalho: Bolin escancara o que é ser “massa”, cidadão puntiforme, em um país com 1,4 bilhão de habitantes.

Confira alguns de seus trabalhos:

FOTO: Reprodução

FOTO: Reprodução

FOTO: Reprodução

FOTO: Reprodução

FOTO: Reprodução

FOTO: Reprodução

FOTO: Reprodução

Tendências: