Fotos de São Paulo integram acervo de museu cubano

Estadão

30 de julho de 2009 | 07h28

FOTO: Angelo Pastorello/ Divulgação

Por Edison Veiga

Personagem da seção Paulistânia, o fotógrafo paulistano Angelo Pastorello levou longe suas imagens da São Paulo distorcida – desde outubro ele tem se dedicado a fazer ensaios da cidade, munido de uma câmera pinhole (uma caixa escura, sem lente nem visor, apenas com um orifício).

Ontem ele recebeu um e-mail de Lourdes Benigni, diretora do museu cubano de arte contemporânea Casa de Las Américas. Ela informava que cinco fotos (como o Mercadão, acima) de sua série Cenas de São Paulo, passam a integrar o acervo da instituição.

O interesse surgiu após sua recente visita à ilha, onde participou, com artistas de dez países, da mostra coletiva Ars Latina Habana 2009. Integram a exposição, inaugurada dia 21 no Centro de Desarrollo de las Artes Visuales, outros três brasileiros.