Sem elevador, mirante permanece fechado em Piracicaba
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Sem elevador, mirante permanece fechado em Piracicaba

José Tomazela

11 Junho 2015 | 18h07

 

O elevador panorâmico da nova Ponte do Mirante, uma das atrações turísticas de Piracicaba, não tem data para voltar a operar. O equipamento foi avariado durante um temporal no início de março este ano. Desde então, a torre de 24 metros de altura que permitia uma visão privilegiada do Rio Piracicaba, com sua cachoeira, e de grande parte da cidade, está abandonada.

De acordo com a Secretaria de Turismo, o elevador é a única forma de acesso ao mirante do alto e, sem que volte a operar, não há como reabrir o local aos turistas. O fechamento ocorreu porque a concessionária do mirante, que deveria providenciar os reparos, pediu a rescisão do contrato.

O departamento jurídico do município abriu processo para apurar o caso. De acordo com a Secretaria, enquanto não houver uma decisão jurídica, a prefeitura não poderá fazer os reparos e a manutenção do elevador.

O abandono prejudica o turismo na região da cidade mais procurada pelos visitantes. Inaugurado em novembro de 2013, o mirante funcionava às sextas-feiras, com entrada gratuita, e aos sábados e domingos com cobrança de R$ 2 por pessoa. Até mil pessoas por dia tinham acesso ao mirante nos meses de alta temporada, entre novembro e fevereiro, usando o elevador panorâmico.

Mirante do Rio Piracicaba

Mirante do Rio Piracicaba