Itu oferece turismo gratuito durante a Copa
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Itu oferece turismo gratuito durante a Copa

José Tomazela

12 de junho de 2014 | 14h38

Igrejas barrocas, casarões centenários, museus e fazendas históricas de Itu, na região de Sorocaba, podem ser visitados na companhia de guias e intérpretes e sem custo algum durante a Copa do Mundo. O projeto, lançado nesta quinta-feira (12) pela prefeitura, com apoio da Associação Pró-Desenvolvimento do Turismo Regional (Protur), inclui sete roteiros, quatro dos quais podem ser percorridos a pé.

Para fazer o passeio, o interessado precisa se inscrever no Centro de Informações Turísticas, no Largo do Carmo, região central e, no caso de estrangeiros, solicitar um intérprete. Os roteiros gratuitos serão oferecidos até o dia 13 de julho, quando se encerra a Copa. A cidade hospeda as seleções do Japão e da Rússia. As saídas dos grupos ocorrem diariamente às 10 horas e os passeios duram cerca de quatro horas.

O roteiro das igrejas pode ser feito a pé e inclui templos católicos construídos entre os séculos 18 e 19, como as igrejas do Bom Jesus, Nossa Senhora do Carmo e da Candelária. A cidade é conhecida como ‘Roma Brasileira’ em razão da quantidade e riqueza de seus templos. Outro roteiro engloba os parques temáticos de Itu, com seus objetos gigantescos e folclóricos, reforçando a fama da cidade onde tudo é grande.

O roteiro do eixo histórico leva a um passeio pelos casarões centenários, como o que hospedou o imperador Pedro II, e outros que abrigam famosos antiquários no centro histórico. Para o roteiro dos museus, incluindo o conhecido Museu Republicano, os museus da Energia e da Música, e ainda o acervo do Regimento Deodoro – o histórico quartel de Itu -, o passeio não inclui o ingresso cobrado por alguns desses museus.

Dois roteiros rurais, feitos de van ou micro-ônibus, levam a fazendas representativas dos ciclos econômicos do café e da cana-de-açúcar, como as fazendas Concórdia, Limoeiro e do Chocolate, e ainda a alguns alambiques artesanais da região. Nesses casos, os passeios ocorrem apenas aos sábados e domingos.

Igreja do Carmo em Itu – André Roedel/Itu.com.br

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: