Barragem no Capivari-Mirim garantirá água para Indaiatuba
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Barragem no Capivari-Mirim garantirá água para Indaiatuba

José Tomazela

03 Julho 2013 | 20h40

 

Foi lançada nesta quarta-feira (3) a pedra fundamental de uma barragem com 245 m de extensão por 23 de altura e seis de largura que formará um lago de 41,1 hectares (411 mil m2) no rio Capivari-Mirim, em Indaiatuba. Orçada em R$ 24,5 milhões, a represa vai armazenar 880 milhões de litros de água, assegurando o abastecimento da cidade por pelo menos três décadas.

Atualmente, o rio já fornece 39% da água consumida pela população, mas nos períodos secos a captação chega a sofrer interrupções. A barragem, no bairro Mirim, regularizará a vazão do rio em 316 litros por segundo, permitindo a captação durante o ano todo. O lago terá 2,5 km de extensão e deverá se tornar polo turístico. As obras ficam prontas em dois anos.

O Capivari-Mirim é formado pelos córregos do Quilombo e do Bonfim, cujas nascentes se localizam respectivamente nos municípios de Itupeva e Campinas. Em grande parte da extensão de 25 km, o manancial faz a divisa entre Indaiatuba e Campinas, desaguando no rio Capivari, em Monte Mor. Para obter o licenciamento ambiental da obra, o município se comprometeu a plantar 100 mil árvores no entorno da represa.

 

Simulação da barragem e lago no Capivari-Mirim

Simulação da barragem e lago no Capivari-Mirim