As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Um dia para desconfiar

Haisem Abaki

25 de fevereiro de 2013 | 13h49

Publicado pela 1ª vez em 01/04/2010
Estamos vivendo um dia muito perigoso, com muitas armadilhas e pegadinhas por aí. Por isso, todo cuidado é pouco neste 1º de Abril. Os crédulos poderão ser enganados com muita facilidade se não tiverem uma pontinha que seja de desconfiança.
Olho vivo naqueles que demonstram boas intenções, trombeteiam grandes realizações e prometem trabalhar incansavelmente pelo bem geral de todos. Tudo com muita simpatia, apesar da cara fechada.
Muita atenção também com os anúncios de grandes obras empacotadas, cheias de números mirabolantes para impactar e muito boas para desempacar a vida pacata.
Outra cautela a ser adotada é ficar com uma pulga atrás da orelha ao ouvir discursos emocionados, recheados de frases de efeito e citações de um passado árduo, de um presente de glórias e de um futuro repleto de novas conquistas.
Além desses assuntos pesados, também é preciso ir com calma em temas leves, que podem até parecer bobos. Essa recomendação vale mais ainda para os fiéis torcedores. Especialmente hoje, não acreditem em adversários mui amigos que dizem que o Corinthians é o Brasil na Libertadores.
Mas basta respirar fundo e manter a tranqüilidade porque o Dia da Mentira é só em 1º de Abril. Amanhã, tudo volta ao normal, com as verdades de sempre. Pode confiar!

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.