As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Sem a menor inconfidência

Haisem Abaki

25 de fevereiro de 2013 | 14h00

Publicado pela 1ª vez em 21/04/2010
Hoje é dia de reverenciar um herói da Pátria. Graças a ele, muito mais do que um feriado para descansar, temos uma vida bem melhor e sem os achaques de outros tempos.
Foi uma luta pela liberdade e contra a opressão de um reino que exigia “o quinto”, ou seja, um pagamento correspondente a 20% do ouro encontrado neeeeeeeste país.
Era também um grito contra a “derrama”, que cobrava mais uma pesada taxa pela exploração do ouro e ainda dava ao governante de plantão o direito de entrar nas casas e recolher os pertences dos moradores quando o valor devido não fosse pago.
Hoje a situação é muito diferente. O mês passado foi o melhor março da história em termos de arrecadação de impostos, mas temos muitas coisas em troca dessa singela contribuição.
A carga tributária de mais de um terço das nossas riquezas e pobrezas já nos mandou para “os quintos” há muito tempo, mas vale a pena pelas benesses públicas recebidas, como saúde, educação e segurança.
Então, nesta data tão patriótica, vamos dar vivas aos heróis de ontem e hoje. Viva o Tiradentes! Viva o Tiraocouro! Viva o Tiracalças! Viva o Tirameias! Viva o Tiratudo!

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.