As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Folia parlamentar pra lamentar

Haisem Abaki

24 de fevereiro de 2013 | 16h01

Publicado pela 1ª vez em 17/02/2009
Às vésperas do carnaval, nossos deputados discutem o quesito evolução do próprio bolso.
A idéia é juntar a verba indenizatória ao salário, assim como letra do samba e melodia, totalizando 27 mil reais por mês.
Na comissão de frente da proposta, quase não há divergências partidárias, só harmonia.
O enredo começou com o deputado do castelo, suspeito de fazer uma folia com a verba.
Para acabar com a fantasia, surgiu a proposta de expor as notas fiscais dos parlamentares, como biquíni de passista à procura da fama.
A turma do abre-alas entrou em cena ao sentir que o carro alegórico poderia ficar emperrado na avenida.
Com alegorias e adereços e sorriso de mestre-sala e porta-bandeira, os sambistas congressistas só pensam nas notas. Zero. Nota zero. Bateria neles!

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: