As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Favor não perturbar

Haisem Abaki

24 de fevereiro de 2013 | 16h34

Publicado pela 1ª vez em 30/03/2009
O fim de semana teve um programão pra muita gente e eu confesso que fiquei feliz de estar no meio dessa multidão. É curioso como milhares de pessoas podem ter a mesma ideia e ir ao mesmo lugar quase que simultaneamente.
Sabe quando você já conhece um lugar, mas nunca prestou atenção nele? Pois foi o que aconteceu comigo. Nunca tinha reparado. Sabia que existia, mas ainda não tinha usufruído. Antes tarde do que nunca!
Que lugar é esse? É um sítio. Tudo calmo, sem perturbação, sem barulho, sem telefone tocando de manhã, de tarde, de noite. Sem ninguém querendo convencer você da grande oportunidade que está perdendo e que nunca mais terá, amargando um eterno arrependimento.
Em apenas dois dias, 20 mil pessoas foram a esse sítio, que fica na Internet. Quer ir lá também? Então digite procon.sp.gov.br. Existe uma porteira com uma placa de “Não Perturbe”. É só entrar que você logo vai ver um belo caminho chamado “cadastro para bloqueio do recebimento de ligações de telemarketing”. Depois do passeio, o visitante pode “estar conseguindo” o merecido sossego.

Nota do Autor: Nada contra as empresas e os operadores de telemarketing. É um trabalho digno, mas é preciso ter bom senso para não exagerar na dose.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: