As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Direto do mundo animal

Haisem Abaki

24 de fevereiro de 2013 | 18h08

Publicado pela 1ª vez em 25/06/2009
Os acontecimentos das últimas horas comprovam que estamos no meio de uma selva de notícias animais. Tem bicho solto por aí e é preciso tomar cuidado pra não levar uma mordida ou um coice.
No futebol, apareceu uma zebra de origem americana. Trata-se um animal raro e que merece estudo científico. Os espanhóis que o encontraram ainda não sabem se é branco com listras pretas ou preto com listras brancas.
Nas escolas, já tem aluno de férias por causa da preocupação com a gripe suína. Autoridades sanitárias dizem que não há motivo para alarme, desde que o porco se comporte bem. Não é aquele com focinho que parece tomada, mas o de outra espécie, que não lava as mãos e espirra na cara alheia.
Em Brasília, estão agitadas as raposas flagradas tomando conta secretamente do galinheiro. Elas fizeram pena voar pra todo lado, mas se disfarçaram bem. Disseram “mé, mé, mé” e se transformaram em simpáticos carneirinhos. Urubus insatisfeitos e desconfiados deram uma bicada numa colméia, soltando marimbondos de fogo na direção de um grande lobo.
Acho que até dá pra suportar a zebra e o porco, mas esse escândalo das raposas já é demais. Não tem como ficar calado sem soltar cobras e lagartos. Vamos fazer um coro só, todos juntos: “i-ó, i-ó, i-ó. ó, ó, ó…”

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: