As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Cinema Eleitoral

Haisem Abaki

25 de fevereiro de 2013 | 14h43

Publicado pela 1ª vez em 15/10/2010
A semana que termina teve um feriadão, mas foi tensa e cheia de chumbo trocado. Então, vale relaxar pegando um bom filme para esquecer as baixarias eleitorais gratuitas deeeeeeeste país. Vamos às dicas, que são imperdíveis.
A primeira é o tragicômico EU SEI O QUE VOCÊS FIZERAM NO GOVERNO PASSADO. Na história, que mistura terror e pastelão, um homem e uma mulher, concorrentes numa eleição, trocam denúncias cabeludas. Ele acusa a adversária de ter uma ex-assessora envolvida em falcatruas. E ela acusa o adversário de ter um ex-assessor envolvido em falcatruas. A cena mais horripilante é quando o eleitor suspeita que os dois podem estar certos.
Outra boa pedida é o realista TROPA DE GASTRITE. Dois candidatos disputam uma eleição acirrada, falam bonito e afirmam que só estão interessados em apresentar ideias para melhorar a vida dos cidadãos. Mas na hora de pedir votos atiram para todos os lados e um fica falando dos podres do outro. O ponto alto é quando eles dizem que estão fazendo uma campanha de alto nível. É de embrulhar o estômago. O filme é proibido para menores de 100 anos.
Para os amantes de dramas carregados de emoção, vale ver a produção PROMETER, ENROLAR, REZAR. No enredo, dois adversários políticos apelam para a religião em busca de votos. O momento mais tocante é quando eles demonstram publicamente uma fé fervorosa. Tenha um lenço por perto porque dá vontade de chorar!
E se você está indeciso sobre qual filme escolher, não deixe de ver o impactante ENCURRALADOS. A identificação será imediata, mas não precisa levar o título e nem documento com foto.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.