As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Aprecie com moderação

Haisem Abaki

24 de fevereiro de 2013 | 16h03

Publicado pela 1ª vez em 19/02/2009
Neste carnaval, não faça dos seus lábios uma arma: a vítima pode ser você. A ameaça vem do Recife, onde a Justiça e o Ministério Público estarão de olho nos movimentos labiais de um milhão de foliões. No sábado, durante a passagem do bloco Galo da Madrugada, haverá um plantão para julgar delitos menos graves, como brigas, pequenos furtos e beeeeeeijos à foooooorça. Quem roubar um beijo estará sujeito a pagar multa ou a prestar serviços à comunidade. E não adianta dizer que foi beijo artístico, que é carnaval, que ninguém é de ninguém, que foi só um selinho… Não vai colar. Os fiscais da lei estarão atentos aos afoitos, linguarudos e desentupidores de pia. Os bons de lábia que se contenham para não levar uma invertida e beijar a lona. Mas, para ninguém perder a festa, os julgamentos serão rápidos, ali mesmo. Nada demorado como beijo de cinema. Beijinho, beijinho, tchau, tchau!

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: